sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Entrevista IV

Pedindo desculpas em primeiro, por não ter postado entrevistas na semana passada. Hoje a entrevistada se chama Mariana Mana, está cursando o 2º ano do E.M, fazendo Formação Geral e tem 16 anos. Podem conhecê-la melhor através do @maryhmana


Gabrielle Pires: Último filme que assistiu

Mariana Mana: Antes que termine o dia, não me canso de ver esse filme

Gabrielle Pires: Último livro que leu

Mariana Mana: Sussurro

Gabrielle Pires: A música que não sai da sua cabeça.

Mariana Mana: Tudo que eu falei dormindo - Detonautas.

Gabrielle Pires: Um objetivo que pretende alcançar até o fim deste ano

Mariana Mana: Emagrecer, se Deus quiser,

Gabrielle Pires: Falando em emagrecer, como você lida com a sua auto-estima?

Mariana Mana: Ah, sempre em conflitos, claro. Tem dia que eu acordo de boa e acho tudo lindo, e dias que acordo desesperada desejando comer só mato por causa das gordurinhas.

Gabrielle Pires: E o que te traz confiança para que esses conflitos não atinjam seu bem estar e bom humor?

Mariana Mana: Boa pergunta... Eu acho que é a força que meus amigos e família me passam de não me deixar abalar por isso e que eu sou capaz.

Gabrielle Pires: Você acredita que existem respostas para tudo? Se sim, onde?

Mariana Mana: Acredito sim, pois agente vive caçando respostas para tudo. E eu acho que vem mais do aprendizado de mundo, do modo de como a gente vê as coisas, porque nem sempre a minha resposta pode ser a sua resposta.

Gabrielle Pires: Qual a sua opinião sobre os escapismos que os jovens têm utilizado atualmente? Como por exemplo, o uso abusivo de álcool, drogas e outros entorpecentes...

Mariana Mana: Ah pra mim os jovens utilizam álcool demais, drogas e etc, pelo fato de serem cabeças fracas, a maioria é por influencia de amigos e ambiente em que vivem, mas também vejo por um lado de revolta, quererem se mostrar uma geração poderosa, quererem se sobressair.

Gabrielle Pires: E qual sua atitude e postura diante disso?

Mariana Mana: Beber eu bebo sim, mas nunca exagerei sempre soube me controlar, agora o resto eu quero distância. Porque eu penso assim, tem tanta coisa boa pra gente fazer e descobrir no mundo, porque logo escolher as que eu sei que não valem à pena?

Gabrielle Pires: Se você pudesse ser outra pessoa por um dia, quem seria?

Mariana Mana: Por incrível que pareça, eu gostaria de ser Carlos Drummond de Andrade... Só pra invadir aqueles pensamentos super inteligentes, o cara é fera.

Gabrielle Pires: E uma pessoa que gostaria de poder entrevistar?

Mariana Mana: Ah o Joe Jonas, só pra ter o prazer de ficar a centímetros dele.

Gabrielle Pires: Qual você acharia a parte mais difícil de ser vigiada 24h por dia em um Reality Show?

Mariana Mana: A mais difícil, seria a convivência, aceitar opinião de pessoas que você nunca lidou antes. Seria barra pesada. Mas o resto seria de boa.

Gabrielle Pires: Mesmo expor suas imagens e seus defeitos para livre julgamento?

Mariana Mana: Não tenho vergonha de meus defeitos, pois é como diz o velho ditado, ninguém é perfeito. E não precisa de um Reality Show para eu ter uma imagem que seja livremente julgada, hoje em dia todos julgam sem ao menos conhecer.

Gabrielle Pires: Existe alguma coisa sobre você que você acha que surpreenderia as pessoas?

Mariana Mana: Acho que seria a minha infância, sempre fui um moleque.

Gabrielle Pires: Quem, pra você, influenciou muito na sua personalidade e no modo de ver a vida?

Mariana Mana: Ninha família, com certeza.

Gabrielle Pires: Uma frase ou uma metáfora.

Mariana Mana: Viver e não ter a vergonha de ser feliz.

Gabrielle Pires: Indique 3 twitters

Mariana Mana: @ehtenso @viroumodinha @frases_amor

Se quiser ser entrevistado também, pode pedir através dos comentários, ou do meu twitter @gatitatequila que em breve postarei novas entrevistas.

Postado por Gabrielle Pires Silva às 17:01

6 comentários:

yucatequila disse...

que menina linda, fofa , simpatica e inteligente *-*, nem amo .tá?

Laila Saltoris disse...

adorei a entrevista!
concordo em quase tudo com ela, principalmente na parte das drogas e bebidas..

Blair disse...

"Não tenho vergonha de meus defeitos, pois é como diz o velho ditado, ninguém é perfeito. E não precisa de um Reality Show para eu ter uma imagem que seja livremente julgada, hoje em dia todos julgam sem ao menos conhecer."

Falou tudo, amei! *-*

Adoro suas entrevistas, amor! *-* Continue fazendo.

Te amo.

Rodolpho Padovani disse...

Muito boa essa entrevista, parabéns às duas...

Bjs =)

criseadolescente disse...

aah, que lindo *-* eu :D foi uma honra ser entrevistada por voce gabi, e obrigado ao povo do comentarios ai *-*

Henrique Nogs disse...

Ei, deve ser legal ser entrevistado, se precisar de alguém um dia, pode me chamar. kkk

Parabéns pelo blog flor ;]

Postar um comentário