segunda-feira, 24 de maio de 2010

Insônia

E mais uma noite, teve dificuldade para dormir. Fechou os olhos e ainda sim sentia vertigem. Vertigem essa que causara todo esse mal estar anterior. Mesmo ainda acordada, concentrava-se para dormir enquanto se pegava perdida, sonhando, submersa de ilusões. Alegava-se de que ainda não havia adormecido e podia ainda sim, ouvir aqueles burburinhos, aquelas vozes e supostos risos, dos quais talvez ainda não tivesse ouvido, mas imaginava ouvir. Ouvia sua própria respiração, agora um pouco pesada e barulhenta, enquanto não esboçava nenhum tipo de expressão. Estava tão concentrada em conseguir vencer aquela insônia que se desprendeu de toda aquela história e encontrara outros pensamentos. Estes, que nem ela mesma poderia explicá-los.

Escrito por: Gabrielle Pires Silva (Tequila)

Postado por Gabrielle Pires Silva às 14:38

3 comentários:

OliBri (: disse...

Seu blog ta lindo! E eu adoooro seus textos (:

Rodolpho Padovani disse...

Parece minha luta diária para dormir, hehe... sou uma pessoa insone tbm "/

Bjs...

Suélen disse...

aah que bom que você voltou a postar. *-* e seus textos como sempre lindos. mt sucesso gabi!

Postar um comentário