sábado, 23 de janeiro de 2010
Boa Noite!
Gostaria de em primeiro lugar agradecer aos seguidores, aos comentários, aos incentivos, aos elogios que estou recebendo, porque é sempre bom ter alguém pra nos animar enquanto estamos começando. Principalmente quando estamos começando com uma coisa que é realmente importante. Hoje, como sempre, (rs) separei um texto um pouco antigo meu para dividir com vocês. Por enquanto os textos que serão postados, serão meus mais antigos, e logo escreverei exclusivamente para o blog.

Medo

Eu não sei lidar com o medo nem com a indiferença. Eu sou a cura e a crença. Ninguém me ensinou como agir nas horas difíceis, então é fácil julgar apenas a decisão final. O livro não será julgado pela capa por quem sabe ler até as entre linhas. Quem aprende uma lição de verdade, nunca mais esquece.

Quem fica traumatizado, acaba voltando ao erro e nunca cresce. Eu aprendi com a solidão que às vezes me sinto melhor sozinha do que com quem não me quer bem, e aprendi com a companhia que muitas vezes você precisa de alguém

apenas porque tem medo de agir sozinho. Enquanto eu aprendo, eu descubro novas alternativas de resolver tudo o que está pendente, eu aprendo a lidar comigo mesma, aprendo a lidar com a verdade, mas ainda não aprendi a lidar com esse tal medo.


Escrito por Gabrielle Pires Silva (tequila)
Postado por Gabrielle Pires Silva às 19:10

21 comentários:

Victor Faria disse...

Parabéns pelo blog!
Passa lá no meu blog, vota na enquete que deixei lá e comenta. Se gostar, clica nos anúncios...pra dar uma ajuda.

http://www.papodeinformatica.blogspot.com

Ruben Fontes Neto disse...

"Quem fica traumatizado, acaba voltando ao erro e nunca cresce". Pra mim a melhor frase do texto, mas ele está todo bommm. Prabéns mais uma fez gatita...

Anônimo disse...

O medo alimenta o mal, não tema nada, dê a cara a tapa e liga o foda-se. As vezes a gente aprende mais errando, não é mesmo.
E, na boa..., você é linda não tem pra quê isso kaopkspoak!.
bjus,
se puder visita o meu tbm
http://materiafecal.wordpress.com/

Carlos disse...

Oiii gaby, blog maravilhoso, adorei
to seguindo ta,
me visita quando puder.


www.flordeletras.blogspot.com


bjs

l a l a h disse...

Interessante o seu texto e achei que combinou comigo na parte que diz que precisar de companhia as vezes é ter medo de agir sozinho.

Alinne disse...

Eu me lembro desse texto ;D
E é muito bom. O medo da solidão, o medo que nos trava e nos cega, o medo que nos persegue e aquele que te ensina a viver. É um sentimento muito presente na minha vida e apesar de por alguns lados eu saber lidar com ele, por outros, ele me domina totalmente.
Você é muito boa mesmo *-*

Te amo muito!

P.S: Ah, amei as fotos do post. A cor laranja prevaleceu, achei muito legal =)

Mayara disse...

oi linda, obrigada pelo comentário e pelos elogios. Deves saber como é gratificante.
Adorei seu blog, e o jeito simples com que escreve. Parabéns!
Visitarei sempre :**

mariana disse...

perfeito, cada palavra do texto sao como cada encaixe de um quebra cabeça e sempre sai assim, perfeito. suucesso (L'

MED MUCHSTTER disse...

UAU, Arrasou! E sim, o medo TEM que ser usado como algo bom. Se deixarmos ele nos guiar, nos perderemos. Você escreve MUITO bem, parabéns mesmo. PS: VOU SEGUIR! Sem deixar de falar: ARRASOU NO BLOG.

Juliana Oliveira disse...

- Linda! Bem vinda
amei o seu blog, ele é bem legal. Escreve muito bem, adoro encontrar blogs que sejam parecidos comigo
muito bom mesmo_*_
Beijus

Suélen disse...

como eu já falei, seu blog tá mt lindo, os textos são ótimos. mt sucesso pra você. bjbj :*

Poesias-Fran.R.M disse...

Olá!

Você escreve muito bem,tudo o que você falou é verdade, que muitas vezes se precisa de alguém pelo medo de agir sozinho,a cada dia enfrentamos o medo e procuramos absorver isso e ter coragem e sermos nós mesmos.

Parabéns,comecei a te seguir!

Se quiser me visitar:
www.franpoesias.blogspot.com

Bjs e sucesso!

jujujorio disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
yuca tequila disse...

amei de verdade esse texto .-.

Marcelle disse...

Adorei esse texto, ficou ótimo :) Beijos Gabi (L)

Anna disse...

"eu perdi o meu medo/ o meu medo/ o meu medo da chuva" como já dizia raul.
=) ótimo texto, parabéns,

ps: uma dose de tequila é sempre bom XD

Laura Pedrosa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
laurapedrosa disse...

ficou ótimo o texto, querida. Agradeço pelo incentivo, você tambem escreve muito bem. Se puder me ajudar divulgando meu site aqui seria legal *-*
e...com certeza, as vezes a gente se sente bem melhor sozinha do que quando alguem que nao nos quer bem estar ao nosso lado. é como o velho ditado de: antes só, que mal acompanhada.
Você acaba sozinha mas, apesar de sozinha feliz com você mesma. É tudo questão de se adaptar e não depender tanto das pessoas como geralmente nos acontece...

Mari disse...

Puxa, olha só vc blogandooo! Espero começar logo o meu também! *-*
Texto antigo é o que a gente mais tem né, amiga? rs Eu adoooro olhar meus cadernos e ver que tem um monte de anotações...
Uma coisa que vc disse no seu texto eu concordo plenamente. Infelizmente a gente aprende com a solidão, aquela q maltratou tanto da gente naquele dia q a gente mais queria uma companhia, que o melhor as vezes é dar ouvidos aquela frase, "melhor só do que mal acompanhado".
Melhor coisa ever é viver. Viver todo dia e errar, aprender, fazer tudo de novo, e sorrir vendo q vc está cada dia melhor. Nem que seja só um pouquinho melhor do que ontem.
Beijooos, te adoro *-*

Vitor Neves disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Vitor Neves disse...

ou , esse texto é o mais foda taa ... parabéns , siga em frente pq vc leva jeito nisso ...
boa sorte e quando vc publicar seu livro , vai ser o primeiro livro que eu vou ler ( tirando os extra-classes , haha )

beijãão , amo vc tá !! ;D

Postar um comentário